Parque das Aves – muito mais que um parque, um projeto de amor às aves

Geralmente quando pensamos em Foz do Iguaçu associamos imediatamente o destino às Cataratas – muita água e muito verde. Mas a cidade vai muito além e oferece outras atrações fora as lindas cachoeiras e a imensa Mata Atlântica. Já falamos aqui sobre o passeio na usina que é a maior produtora de energia limpa do mundo, a gigantesca Itaipu Binacional, de um bar de gelo que é super divertido aqui, e agora vamos falar de mais uma atração bem bacana para adultos e crianças, principalmente para quem gosta de animais e natureza: o Parque das Aves.

parque das aves 1

Localizado ao lado do Parque Nacional Iguaçu, o Parque das Aves é um espaço que abriga mais de mil aves de cerca de 150 espécies diferentes em 16,5 hectares de Mata Atlântica. O parque acolhe aves que não possuem mais condições de continuar na natureza (algumas resgatadas de tráfico e maus tratos) e proporciona um ambiente similar ao seu habitat natural para que possam viver e se reproduzir.

parque das aves 2

parque das aves 3

Considerado o maior parque de aves da América Latina, lá você tem contato direto com aves de várias partes do Brasil e do mundo, muitas delas ameaçadas de extinção. Dá para entrar em alguns viveiros, como o das araras e dos tucanos, e até tirar fotos com araras mansas!

parque das aves 4

Curiosidade: O parque foi fundado por um africano, Dennis Croukamp, que após ganhar de presente um papagaio-do-Congo se apaixonou por aves. Com o incentivo de amigos, mudou-se para o Brasil com sua esposa, que é veterinária, adquiriu licenças e comprou 16 hectares de floresta subtropical. Após 11 meses de trabalho no terreno, retirando detritos, plantando árvores nativas, abrindo trilhas e buscando lugares ideais para o projeto, o casal inaugurou o Parque das Aves em outubro de 1994, e as primeiras aves eram animais confiscados pelo Ibama e doados ou emprestados de zoológicos brasileiros. Com o tempo, chegaram espécies subtropicais de todos os continentes.

parque das aves 5

O passeio pelo parque é feito por uma espécie de trilha, um caminho cimentado que passa por todo o local.

parque das aves 22

Ao todo são 13 espaços para se visitar, chamados de viveiros. Em cada viveiro você encontra ambientes diferentes e placas com informações sobre os animais.

parque das aves 24

São eles:

  • Viveiro Pantanal – viveiro criado baseado no Pantanal, um dos biomas mais ricos do Brasil, abrigando aves adaptadas ao ambiente aquático, como guarás e garças, além de tucanos, seriemas e muitas outras espécies;

parque das aves 23

parque das aves 26
Os tucanos ficam livres e dá para chegar bem perto deles. Eu só não arrisco chegar perto demais, rs.

 

  • Viveiro Floresta – viveiro baseado na Mata Atlântica, com espécies nativas dessa região, como mutuns, gralhas, sabiás, jacutingas e tucanos;

parque das aves 16

parque das aves 17

< Já conhece nossa página no Facebook? Clique aqui e curta nossa página para saber de muitas novidades sobre viagens e gastronomia! >

parque das aves 20

parque das aves 14

 

  • Paraíso das Ararajubas – as ararajubas são consideradas uma das aves-símbolo do Brasil. Elas levam as cores da bandeira e vivem em pequenas populações na região amazônica, habitando as copas das árvores mais altas. O parque possui a maior colônia de ararajubas em cativeiro do mundo;
  • Covil dos Répteis – as aves são parentes próximos dos répteis em termos evolutivos, e no parque há um espaço onde você pode observar alguns dos incríveis répteis da fauna brasileira, como jiboias, iguanas, jacarés e a temida sucuri;
parque das aves 21
Durante o passeio, vários bonitinhos aparecem para roubar a cena.
  • Refúgio das Harpias – a harpia é a mais poderosa ave de rapina do mundo, com uma postura majestosa e força incomparável. Ela vive no topo das árvores das florestas densas do sul do México e no nordeste da Argentina. O viveiro do parque é o maior do mundo para reprodução de harpias;

parque das aves 36

  • Viveiro das Araras – um viveiro com muitas espécies de araras e papagaios, é um dos viveiros onde se pode entrar e ter um contato mais próximo com as aves (sem tocar). Um dos lugares mais bacanas do parque, as araras ficam voando de um lado para o outro e podem passar de raspão por você!

parque das aves 32

parque das aves 33

< Quer personalizar sua viagem? Faça um roteiro conosco! Envie um e-mail para contato@viagensemenus.com e peça um orçamento sem compromisso. Sua viagem a sua cara, do jeitinho que você sonhou! >

parque das aves 35

  • Árvore da Vida – representação desta árvore lendária na mitologia nórdica, que traz uma lição sobre a ambição humana e a preservação da natureza;

Nota: Não utilize flash nas fotos para não prejudicar e assustar os bichinhos!

parque das aves 31
E olha lá ele de novo! Fazendo pose ainda.

 

  • Reino das Borboletas – viveiro com muitas espécies de borboletas e beija-flores. Você passa por dentro dele e, se alguma borboleta pousar em você, anime-se: algumas culturas acreditam que isso é um sinal de boas novas!

parque das aves 15

  • Araras Mansas – esse é o viveiro onde você pode tirar fotos com araras pousadas no seu braço, mas a atração está sujeita a questões de bem-estar do animal. Quando fomos não entramos nele, mas tinha um funcionário com uma arara mansa na saída do parque e os visitantes podiam tirar foto com ela.
  • Casuar – o casuar é uma ave solitária e territorialista, que quando provocada pode tornar-se extremamente agressiva, o que lhe rendeu o título de “ave mais perigosa do mundo” no Livro dos Recordes. O parque é um dos poucos lugares do mundo onde você pode observá-la bem de pertinho. Pensem em um bicho estranho! rs;

parque das aves 37

  • Cobras – esse viveiro possui jiboias “calmas”, onde é possível vê-las de perto e tirar uma foto bem próximo, mas a atração está sujeita a questões de bem-estar do animal. Também não fomos (a cobra pode até ter tomado Lexotan, não, obrigada);
  • Corujas – viveiro com várias espécies de corujas e suas “primas”, podendo ser observadas em plena luz do dia. Algumas até estavam animadas e cantando!
  • Lago dos Flamingos – lago que fica um pouco depois da entrada do parque, onde se pode observar muitos flamingos de cor rosa e branca. Acho esses animais tão fofos!!

parque das aves 11

parque das aves 12

< Clique aqui e encontre seu hotel em Foz do Iguaçu, são muitas opções com desconto e segurança no Booking.com! >

parque das aves 13

Mais ou menos na metade do caminho há um ponto de apoio, com lanchonte, cadeiras para descanso e banheiros.

parque das aves 28

parque das aves 29

No final da trilha há um restaurante com uma linda vista para o lago dos flamingos!

parque das aves 38

Não sei se é algo que tem sempre, mas no dia que fomos tinha um senhor tocando algumas músicas típicas da região (creio que melodia paraguaia).

parque das aves 39

O Parque das Aves é um passeio super agradável, dá para fazê-lo tranquilamente durante 1h. Se você tiver a síndrome da câmera nervosa, como eu, vale separar cerca de 1h30. No caminho você encontrará alguns “guarda-parques”, funcionários que estão prontos para tirar todas as dúvidas ou explicar algo para você.

parque das aves 27

parque das aves 30
Esse parecia um tucano, mas com o começo do bico e as patas azuis!

Todos os funcionários são treinados e você consegue ver que o lugar foi preparado com todo cuidado para abrigar cada bichinho que tem ali. Conseguimos perceber o carinho envolvido nesse projeto e todo o respeito e amor aos animais depositados pela equipe. Esse parque dá orgulho e é um verdadeiro exemplo!

parque das aves 6

parque das aves 7

parque das aves 9

parque das aves 10

Dica: Visite o parque pela manhã, antes de ir ao Parque Nacional do Iguaçu (parque das Cataratas). As aves estão mais ativas nesse período, tendo mais chances de ver todas! Além do mais, esse passeio combinado com as Cataratas não vai atrapalhar em nada, dá para você curtir o Parque Nacional tranquilamente.

parque das aves 8

parque das aves 19
Mais um bichinho perambulando livremente pelo parque.

Fizemos um vídeo mostrando mais o parque, não deixe de assistir! Aproveito para convidá-lo a se inscrever em nosso canal clicando aqui, é rapidinho e assim que sair um vídeo novo você fica logo sabendo! 🙂

Para chegar ao local você pode ir por conta própria (carro, táxi ou ônibus – linha 120) ou com uma agência. Fizemos esse passeio no mesmo dia que visitamos as Cataratas do Iguaçu com a Combo Iguassu, a agência com a qual fizemos todos os nossos passeios em Foz e indicamos demais! Equipe super competente, pontual e gentil. Vocês podem solicitar orçamento e tirar dúvidas no e-mail natana@comboiguassu.com.br. A Natana foi quem nos atendeu, é um amor de pessoa! Ou acesse o site da agência, clicando aqui.

parque das aves 34

Não deixem de visitar esse parque, o ingresso é acessível e é um ambiente cheio de paz e ar puro (é proibido fumar), adorável. A casadinha Parque das Aves + Cataratas do Iguaçu funciona super bem e é um dia inesquecível em Foz do Iguaçu!

parque das aves 40
Aquele sorriso tenso-enso de “tira logo essa foto vá lá”!

⇒ Outras informações:

– Aberto diariamente das 8h30 às 17h;
– O ingresso custa R$ 36 (estudantes e idosos acima de 60 anos pagam meia – valores de ago/16);
– O passeio dura de 1h a 1h30 e é feito por uma trilha pavimentada de aproximadamente 1,4km, toda sinalizada e adaptada para pessoas com dificuldades de locomoção;
– O local possui banheiros, abrigos, lojinha e restaurantes;
– Não há estacionamento próprio, mas você pode estacionar no Parque Nacional, logo mais à frente, e ir andando até lá.

Parque das Aves
Av. das Cataratas, KM 17.1, Foz do Iguaçu – PR (ao lado do Parque Nacional)
Tel.: (45) 3529-8282
Instagram: @parquedasaves
Facebook: /ParquedasAves https://www.facebook.com/parquedasaves
www.parquedasaves.com.br

>> Também estamos no Instagram (@viagensemenus) e no Snapchat (viagensemenus). Acompanhem nossas redes para ficar por dentro de várias dicas, sorteios e novidades! <<

*O Viagens & Menus fez o passeio a convite da agência Combo Iguassu e obteve cortesia do Parque das Aves. No entanto, prezamos pela sinceridade e honestidade com nossos leitores, não sendo nossa opinião influenciada e havendo total controle editorial sobre todo o conteúdo publicado no blog.

→ Gostou desse post? ←

Se sim, gostaríamos de pedir a sua ajuda para continuar explorando o mundo e escrevendo! Ao fazer sua reserva através dos links abaixo, você não pagará nenhum valor a mais, mas nós receberemos uma pequena comissão dos parceiros.   Desde já agradecemos, de coração!! ❤

Para reservar um hotel no Booking.com (várias opções, muitos descontos), clique aqui.
Para alugar um carro no Rentalcars.com (reúne várias locadoras), clique aqui.

 Banner Seguro Viagem

Anúncios

Autor: Livia | Viagens & Menus

www.viagensemenus.com - aqui compartilhamos muitas dicas e relatamos nossas experiências ao redor do mundo. Um espaço para quem gosta de conhecer novos lugares e comer bem. Enjoy! :)

2 thoughts

  1. Muito lindo este lugar, e tão pertinho!
    O mais interessante para mim, foi a passarela ou estrada de cimento para circular. Isto torna acessível para nós cadeirante, ou seja, podemos visitar este lugar maravilhoso.

    Curtir

O que achou? Comente aqui! Clique em "seguir comentários" para ser notificado por e-mail sobre a resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s