Ilha Zakynthos I – chegada e passeio de barco

Aaahh, Zakynthos! Todas as fotos não condizem com a beleza real desse lugar. Uma ilha paradisíaca e cheia de paisagens exuberantes. Abriga uma praia que já foi eleita a mais bonita do mundo – Navagio Beach – e surpreende os visitantes com águas cristalinas, brilhantes e de um azul sem igual.


Saímos de Atenas (relato completo aqui, aqui e aqui) às 17h45 (voando Olympic Air) e chegamos em Zakynthos 18h35 (parecia ser 15h/16h, solzão ainda a todo vapor). O aeroporto de Zakynthos, Dionysios Solomos, é bem pequeno, daqueles que você desce do avião de escadinha na pista e pega um ônibus que leva ao terminal.

zante 3                 zante 4

Zakynthos, Zaquintos ou Zante (nome italiano) é uma das ilhas a noroeste da Grécia, banhada pelo mar Jônico (Ionian sea), do lado oposto das famosas Cíclades (onde ficam Santorini e Mykonos). É a 3ª maior das ilhas jônicas (em área e população), possuindo cerca de 125km de litoral com praias exuberantes.

Na época em que fomos (começo de setembro), o clima estava quente, mas não escaldante (de 25 a 28º) com ventos refrescantes, muito parecido com a região Nordeste do Brasil (estávamos em casa, haha). Durante a noite esfriava um pouco, sendo necessário apenas um casaquinho mais leve. Não haveria data melhor para irmos, pois a ilha não estava super lotada, como na alta estação, com dias ensolarados e longos. Maravilhoso!

♦ Nota: A temporada de passeios na ilha vai de maio a setembro, no verão.

1º dia – Chegada, acomodação no hotel e agendamento de passeio

Assim que chegamos fomos direto para o hotel, o Al Mare Beach (muito bom), na vila Tsilivi.

Por que escolhemos Tsilivi? Olhando o mapa de Zakynthos, achamos Tsilivi uma vila bem posicionada. Olhando as fotos no Google, a praia era cristalina e com areia (bem raro em Zakynthos, onde a maior parte das praias são de pedrinhas). Pesquisando um pouco mais sobre a ilha, descobrimos que Tsilivi era uma das vilas mais desenvolvidas e badaladas. E, por último, descobrimos também um hotel que parecia ser ótimo, na cara da praia, recém-inaugurado e bem localizado.

zakynthos 2

Outras vilas também estavam na nossa mira: Zakynthos Town (capital e centro comercial da ilha), Kalamaki e Laganas também pareciam ser bem bacanas e desenvolvidas. Mas, de modo geral, preferimos Tsilivi, e não nos arrependemos!!

Vista do nosso quarto.
Vista do nosso quarto.

Ao chegarmos ao hotel, nos acomodamos e fomos conhecer um pouco da estrutura. Nossa última refeição tinha sido o almoço em Atenas, então decidimos ir jantar, e fomos para o restaurante do próprio hotel mesmo. Durante o jantar fechamos o passeio do dia seguinte com um agente de turismo indicado pelo hotel. Estávamos cansados e fomos dormir cedo para aproveitar bem nossa estadia lá.

< Clique aqui e encontre seu hotel em Zakynthos, são muitas opções com desconto e segurança no Booking.com! >

Aguardando o jantar com essa vista lindíssima do nosso hotel.
Aguardando o jantar com essa vista lindíssima do nosso hotel.

2º dia – Passeio de barco de um dia ao redor da ilha

Na ilha há várias agências de turismo (pelo menos nas vilas mais desenvolvidas), além de alguns hotéis manterem contato com agências ou realizarem os passeios. Já havia pesquisado na internet antes de ir quais os passeios disponíveis pela ilha e a média de preços. A maior parte inclui os pontos turísticos mais famosos e desejados da ilha: Navagio Beach e Blue Caves.

Tem passeio de um dia inteiro (onde você dá uma volta na ilha e para em alguns locais) e de meio dia (mais espercífico, geralmente para só em Navagio e algumas cavernas em alto mar). Ficamos bastante em dúvida entre os dois, pois o de meio dia seria em uma lancha menor, então entraríamos nas Blue Caves e nadaríamos. No de um dia inteiro conheceríamos a ilha toda, mas por ser feito em um barco maior, não teria como entrar nas Blue Caves, apenas parar em frente. Como tínhamos poucos dias em Zante e queríamos conhecer a exuberância da ilha toda, resolvemos fazer o de um dia inteiro, porque também haveria parada para banho em outra caverna em alto mar. Agora, claro, não seria em qualquer barco. Escolhemos um barco temático pirata 😀

zante 6

Hahaha, gente, foi super divertido! O barco era tooodo decorado da época medieval, com direito até a showzinho algumas vezes ao dia! Cliquem nas imagens para ampliar.

zante 7 zante 9 zante 10 zante 11 zante 12 zante 13 zante 14

Gostamos bastante do passeio, durou cerca de 8h e custou 50 euros para os dois (valores de set/2014), sem comida e bebida inclusas, com transporte de ida e volta para o porto.

♠ Dica 1: Leve lanches e bebidas na mochila.

Se não quiser gastar dentro do barco (a maior parte dos passeios não inclui comida e bebida), leve lanches e sua própria bebida na mochila/bolsa (aconselho comprar garrafinhas de água nos mercadinhos e levar), não é proibido.

No horário marcado, um ônibus da agência que fechamos foi nos pegar no ponto combinado (bem próximo ao hotel) e fomos para o porto em Zante Town (principal porto da ilha), de onde sairia o barco, cerca de 10min de Tsilivi.

Vista do barco para o porto.
Vista do barco para o porto.

Vamos passear pela ilha? 🙂

♣ Obs.: Desde já peço desculpas pela qualidade de algumas fotos, que estão com “pingos d’água” na lente e um pouco “mareadas”. Não nos atentamos em ficar limpando a lente e algumas fotos saíram assim.

Saímos de Zante Town na direção norte, passando pelas praias de Tsilivi, Alikanas e Alike.

Já começando com essa paisagem...
Já começando com essa paisagem…

Tivemos nossa primeira parada para banho em uma praia que eu não sei dizer o nome (sorry), mas era uma delícia!

Avistando a praia
Avistando a praia
O barco não se aproximou muito, a gente descia já no fundinho mesmo.
O barco não se aproximou muito, a gente descia já no fundinho mesmo.
A praia era de pedrinhas, como já falamos aqui que é a maioria na ilha.
A praia era de pedrinhas, como já falamos aqui que é a maioria na ilha.
Água gelada e delícia! Perto da praia e já funda!
Água gelada e delícia! Perto da praia e já funda!

Seguimos, em direção ao porto Agios Nikolaos.

Alto mar.
Alto mar.

Ao passar pelo porto, avistamos uma pequena ilha em formato de tartaruga, que antigamente pertencia ao Vaticano e foi cedida à Grécia juntamente com o restante das Ilhas Jônicas no século XVIII.

Se você olhar no Google Maps, vai ver que o formato se assemelha ao de uma tartaruga.

Continuamos, em direção ao próximo ponto de interesse, vislumbrando o entorno da ilha, lindíssimo (cliquem nas imagens para ampliar).

 

Alcançamos as famosas Blue Caves, um conjunto de cavernas e arcos formados por erosões.

 

As lindas Cavernas Azuis foram descobertas em 1897, e receberam esse nome por conta da cor da água, um azul turquesa misturado  com azul-esverdeado lindíssimo.

É realmente deslumbrante!

< Já nos acompanha no Facebook? Clique aqui e curta nossa página para acompanhar muitas novidades sobre viagens e gastronomia! >

Passeio com um barco menor, explorando as cavernas. Próxima vez também faremos!!

Passando por essas cavernas e olhando para a direita/trás conseguimos ver uma vizinha, outra ilha jônica belíssima, Kefalonia.

Essa área também é a mais profunda do Mediterrâneo, chamada de “Well of Ionysos” (o Bem de Ionysos), com aproximadamente 4,5km de profundidade. Continuamos o passeio, já ansiosos para a próxima parada.

Todo mundo registrando cada centímetro da ilha.

Começamos a nos aproximar da parada mais esperada, o grande cartão postal que deu fama à Zakynthos.

Começou a formar um aglomerado na frente do barco...
Começou a formar um aglomerado na frente do barco…
...e eu lá também, obviamente! :D
…e eu lá também, obviamente! 😀
Lá estava ela! Olhem o constraste do azul lá longe.
Lá estava ela! Olhem o constraste do azul lá longe.
Para tudo. O que é essa água??
Para tudo. O que é a cor dessa água??
Inacreditavelmente linda. Com vocês, Navagio Beach!
Inacreditavelmente linda. Com vocês, Navagio Beach!

A Navagio Beach, Shipwreck Bay ou Praia do Naufrágio é uma enseada a céu aberto, algumas vezes referenciada como “Smugglers Cove” , acessível apenas de barco. Ganhou esse nome por conta de um navio naufragado que continua por lá até hoje.

Só pra registrar que minha foto ia sair linda, se não fosse essa abelha!
Só pra registrar que minha foto ia sair linda, se não fosse essa abelha.

Gente, o azul desse mar é SURREAL! Não tem foto que consiga transmitir o quanto é lindo!

♦ Curiosidade: A Navagio Beach foi descoberta em 1983, quando o suposto navio contrabandista de cigarros Panagiotis naufragou nessa baía.

 

Restos do navio.
Mais um pouco.
Mais um pouco.
Quando chegamos a praia estava lotaada!
Quando chegamos a praia estava lotaada!

Olhem esse vídeo, para terem noção de como é lá. A imagem tá meio “mareada” por conta que a câmera foi para o mar e não tinha um paninho para limpar, hehe.

Como a maioria das praias em Zakynthos, ela é formada por restos marinhos, conchas e outros materiais, não é uma praia de areia. Apenas na região onde se encontra o navio naufragado tem areia, e entrando no mar, se afastando da beira da praia, também, mas perto da água e na beira são pedrinhas, então recomendo fortemente que levem aqueles sapatinhos (até papetes mesmo) próprios para entrar na água.

Pouco tempo depois os barcos começaram a ir embora e a praia esvaziou. Graças!!
Pouco tempo depois os barcos começaram a ir embora e a praia esvaziou. Graças!!
Sensação de gratidão eterna por estar nesse lugar.
Sensação de gratidão eterna por estar nesse lugar.
A praia é assim!
A praia é assim!

♠ Dica 2: Leve sapatos para entrar na água.

Várias lojinhas nas vilas vendem tipo sapatilhas que servem para entrar na água e andar nas pedrinhas, é quase um item básico de lá. Custavam entre 5 e 9 euros e são MUITO úteis.

Aproveitando cada segundo. Delícia de lugar!
Aproveitando cada segundo. Delícia de lugar!

♠ Dica 3: Não esqueça do protetor solar, chapéu/boné, óculos escuros, toalha e câmera.

Além de água e lanches, levem na mochila/bolsa toalha (venta bastante e a água do mar é muuuito gelada, não se esqueçam mesmo desse item), chapéu/boné, óculos escuros, protetor solar e CÂMERAS, todas as que vocês tiverem. 😀

F-e-l-i-c-i-d-a-d-e!
F-e-l-i-c-i-d-a-d-e!

O barco permanece parado por cerca de 1h, e a praia é pequena, então é tempo suficiente para explorar as ruínas do navio e curtir um pouco o lugar. Apesar de ser tempo suficiente, é tudo tão lindo que o tempo passa voando, então aproveite cada minuto!

Gravei outro vídeo. Sorry pelo volume baixo, a câmera tava com capinha à prova d’água:

Hora de ir embora! Ilha super vaga.
Hora de ir embora! Ilha super vazia.
Alguns barcos menores explorando as cavernas no entorno.
Alguns barcos menores explorando as cavernas no entorno.
Agora sim, sem abelhas. Tchau Navagio! Título de mais bonita praia do mundo com louvor!
Agora sim, sem abelhas. Tchau Navagio! Título de mais bonita praia do mundo com louvor!

Após essa parada, seguimos contornando a ilha. Passamos por Porto Vromi, um dos portos de onde partem alguns passeios pela ilha. Muitas fotos pelo caminho, olhem como essa ilha é fantástica!

Passamos pelas Dolphin Caves. Tempo para tirar fotos, seguimos para a próxima parada para banho.

E para quem acha que em alto mar não tem trânsito, dá uma olhadinha no vídeo abaixo. Toda vida que o nosso barco ia virar no entorno da ilha, não dando para ver se ia vindo outro do lado oposto, ele tocava essa buzina loucamente, para avisar. Foi o “tô chegando” mais escandaloso que já ouvi, hehehe.

Chegamos nas Keri Caves ou Caves of Keri, outras cavernas lindíssimas e famosas, de água azul cristalina.

Paramos em uma dessas cavernas para banho.

Já comentei que a água é geladíssima, íssima? Aí é pior! Como as cavernas protegem a água do sol, a temperatura aí é beem mais baixa. Não pare para pensar ou colocar o pezinho para testar a temperatura, simplesmente pule! Acredite, se você colocar um dedo antes de pular você desiste 😀

"Batendo os beiços", mas felizes!
“Batendo os beiços”, mas felizes!

Foi um banho maravilhoso. Apesar da água congelando a alma, a sensação de estar ali no meio do mar jônico, em águas cristalinas e super fundas, é indescritível.

No fundo da caverna. Barco loonge... Nessa hora bateu um mini pânico, hehehehe.
No fundo da caverna. Barco loonge…
O fundo é assim!
O fundo é assim! Nessa hora bateu um mini pânico, hehehehe.

♣ Obs².: Só pule se você realmente souber nadar e não tiver problemas em ficar boiando estilo cachorrinho, ou então com alguma boia/macarrão. Não há praias nem locais para ficar se segurando, as cavernas são em alto mar, ou seja, apesar de não haver ondas, é bem fundo. Se tiver vertigem com profundidade, nem olhe para dentro d’água, para não bater um mini pânico igual a mim (imagino logo que pode aparecer um tubarão). 😀

Depois desse banho super revigorante, seguimos o passeio passando pela Baía de Laganas, onde se poderia, com sorte, observar as tartarugas marinhas Caretta Caretta, uma espécie rara do mediterrâneo, que deixam seus ovos em Zakynthos. Não vimos nenhuma. 😦

Seguimos passando por Porto Zoro, Porto Roma, Argassi. Não teríamos mais nenhuma parada, e rolou até uma brincadeirinha com a tripulação do barco:

Notem a música! A herança italiana é forte na ilha e está presente em quase tudo!

Eu não queria ir embora e ele queria me expulsar! Se deu mal, hahaha.
Eu não queria ir embora e ele queria me expulsar! Se deu mal, hahaha.

Chegamos ao final, voltando ao Porto de Zante Town. Pegamos o ônibus da agência novamente e fomos para Tsilivi.

zante 16

zante 17

Era por volta das 17h, pedimos ao motorista para nos deixar no começo da vila, para passearmos e jantarmos. Após olhar alguns cardápios do lado de fora dos restaurantes, escolhemos o Majestic. A comida estava ótima e o preço bom também (desculpem, esqueci de anotar o valor, mas lembro que não foi caro, coisa de 25 euros para os dois).

Entrada do restaurante.
Entrada do restaurante.

Esse restaurante também tem uma gelateria, bem ao lado, que fizeram a propaganda de ser o melhor sorvete de Zakynthos, rs. Era bom, mas já comi melhores aqui no Brasil. 😛

Após o jantar, fomos procurar uma agência para alugar um carro e passear pela vila.

A vila de Tsilivi tem muitos barzinhos e restaurantes com música. Nos barzinhos estilo pub vimos muitos jovens, e alguns locais estavam bem animados. Uma pena que só tínhamos mais um dia lá e queríamos acordar cedo para aproveitar o passeio pela ilha. Voltamos para o hotel a pé mesmo, flanando e olhando as lojinhas pelo caminho.

Fim do segundo dia! Acesse aqui o post do terceiro e último, com várias outras informações para quem está planejando viajar para a ilha.

Espero que tenham gostado desse primeiro post, em nosso instagram @viagensemenus damos mais dicas sobre esse e outros destinos! Beijos!!

>> Gostou desse post? <<

Se sim, gostaríamos de pedir a sua ajuda para continuar explorando o mundo e escrevendo! Ao fazer sua reserva através dos links abaixo, você não pagará nenhum valor a mais, mas nós receberemos uma pequena comissão dos parceiros. 🙂 Desde já agradecemos de coração!!

Para reservar um hotel no Booking.com (várias opções, muitos descontos), clique aqui.
Para alugar um carro no Rentalcars.com (reúne várias locadoras), clique aqui.

Banner Seguro Viagem

 

Leia também:
 Lua de Mel dos Sonhos – Parte 1: Grécia!
 Lua de Mel dos Sonhos [Grécia] – Atenas I
 Lua de Mel dos Sonhos [Grécia] – Atenas II
 Lua de Mel dos Sonhos [Grécia] – Atenas III
 Lua de Mel dos Sonhos [Grécia] - Zakynthos II
 Seguro viagem: por que contratar e como escolher
Anúncios

Autor: Livia | Viagens & Menus

www.viagensemenus.com - aqui compartilhamos muitas dicas e relatamos nossas experiências ao redor do mundo. Um espaço para quem gosta de conhecer novos lugares e comer bem. Enjoy! :)

2 thoughts

  1. Olá! Estou indo para Zaquintos em setembro e gostei muito do post, está me ajudando muito!

    Gostaria de saber o nome do barco que vocês fizeram o passeio. Você lembra?

    Obrigada

    Curtir

    1. Oi Camila, obrigada pela visita! Desculpa a demora em responder. Fizemos no barco pirata, o nome dele é esse mesmo! Qualquer agência você pode falar “the pirate ship” que eles sabem qual é. Boa viagem e depois volta aqui para compartilhar suas dicas! Bjs

      Curtir

O que achou? Comente aqui! Clique em "seguir comentários" para ser notificado por e-mail sobre a resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s